Evangélicos pedem R$ 1 bilhão de indenização ao Porta dos Fundos

Written by on 12 de fevereiro de 2020

Cenas do especial de Natal 'Se beber, não ceie, do Porta dos Fundos. Foto: reprodução Netflix.

O grupo humorístico Porta dos Fundos e a Netflix foram processados pela Igreja Pentecostal Brasa Viva. O grupo religioso ajuizou ação na qual pede o pagamento de uma indenização de 1 bilhão de reais por danos morais pelo especial de natal de 2018, que faz um sátira com a passagem bíblica da “Última Ceia”.

Na sátira, após uma bebedeira durante a ceia, os discípulos de Jesus acordam de ressaca e percebem que perderam o Messias. Inspirado no filme americano “Se Beber, Não Case”, o filme foi proibido, na época, de ser reproduzido em Singapura.

O processo ainda está em fase de autuação na 5ª Vara Cível, Regional de Campo Grande, no Rio de Janeiro.

Share this:


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


Rádio Elohim, Parauapebas – PA

Semeando com Louvores!

Current track
TITLE
ARTIST

Background